Músicas

Tento aprender com elas,o que eu ainda não aprendi com a vida.

sábado, 29 de janeiro de 2011

Orlando Morais


Pessoal mais um post pra falar de que?
Música é claro....
Adoro o Orlando....suas músicas são totalmente incomuns e é essa a graça do seu trabalho.
Sem Firulas e com vocês Orlando Morais!!

"A Rota do Indivíduo(Ferrugem)"

Mera luz
Que invade a tarde cinzenta
E algumas folhas deitam sobre a estrada
O frio é o agasalho que esquenta
O coração gelado quando venta
Movendo a água abandonada

Restos de sonho
Sobre o novo dia
Amores nos vagões
Vagões nos trilhos
Parece é a ferrovia
Que mesmo não te vendo te vigia
Como mãe, como mãe
Que dorme olhando os filhos
Com os olhos na estrada

E no mistério
Solitário na penugem
Vê-se a vida correndo, parada
Como se não existisse chegada
Na tarde distante ferrugem
Ou nada

Orlando Morais/Djavan


"Figura"

A mim não importa ser a sombra
quando você é a figura
ser a situação quando você é o assunto

Eu nasci pra estar ao seu lado
mesmo se não estamos juntos
e é por isto que quando gritas
permaneço calado
como o sol determina
retrato falado, meu pé de laranja lima
nós somos assim como um desenho
talvez reflexo e refletor

Você, as imagens que tenho
as que quero
as que tenho amor

Orlando Morais/Djavan


"Na Paz"

Meu amor onde está você
Te liguei só prá te dizer
Que ontem a noite
Foi boa demais..

Acordei e nem quis saber
Se hoje vou trabalhar
Nem sei!
Só queria ficar
Com você na paz...

Que preguiça de levantar
Encarar a cidade
Ter que rir para não chorar
Meu amor que saudade
Dá tristeza só de pensar
Prá que tanta maldade
Meu amor, meu amor...

Meu amor onde está você
Te liguei só prá te dizer
Que ontem a noite
Foi boa demais..

Acordei e nem quis saber
Se hoje vou trabalhar
Nem sei!
Só queria ficar
Com você na paz...

Que preguiça de levantar
Encarar a cidade
Ter que rir para não chorar
Meu amor que saudade
Dá tristeza só de pensar
Prá que tanta maldade
Meu amor, meu amor...

"Cruzando Raios"

Estrela vão fugindo
Entre os faróis e o mar
Neste azul, que azul!
O nosso amor sumindo
Entre partir, ficar
Entre o norte, o sul
Cruzando sobre os raios
Antenas de TV
Porque você me olha
Se você não me vê
Sobre os oceanos
Em doces guerras frias
Não deixa anoitecer
Não deixa escurecer
O Nosso dia

Lindo o trabalho deste artista Goiano...Amo de Paixão!!!

www.orlandomorais.com

BJs

Nenhum comentário:

Postar um comentário